Blitz News
Notícias
Política
Ação do Procon Municipal atende + de 3 mil pessoas

Ação do Procon Municipal atende mais de 3 mil pessoas

Data: 24/12/2017

A semana dedicada a orientação, organizada pela Subscretaria de Proteção e Defesa do Consumidor de Campo Grande (Procon),  atendeu mais de três mil pessoas na Praça Ary Coelho.

O secretário da Subscretaria de Proteção e Defesa do Consumidor de Campo Grande, Valdir Custódio, conta que que apresentou o projeto ao prefeito Marquinhos Trad e imediatamente foi provado pelo prefeito. 

“O Procon Campo Grande, numa ação como esta,  acaba  fazendo aquilo que é o seu papel. O Procon não tem que só que interceder a favor do consumidor quando há uma reclamação. Nós temos que zelar pelo bem viver das pessoas. A gente pode fazer isso chamando parceiros, intercedendo junto as concessionários públicos para que eles tragam ao consumidor condições melhores de negociação. Enfim, de colocar sua vida em dia e deixar o nome limpo” disse Valdir, que agradeceu aos parceiros que participaram da semana de orientação.

Para Gilmar de Souza, a estrutura montada na Praça Ary Coelho, que possibilitou a população renegociar suas dívidas, foi uma ótima ideia. “Vou tentar uma renegociação com a Caixa e este ambiente é apropriado para o atendimento ao público”, avaliou.

Willian David foi fazer a negociação com a empresa de energia e destacou a localização da estrutura que é localizada no Centro da cidade. “Esta foi uma boa iniciativa do Procon de Campo Grande, que favorece a população”, completou.

O Procon Campo Grande fez o atendimento direto da população em parceria com inúmeras empresas, que levaram à praça atendimento diferenciado ao consumidor, com condições mais vantajosas de negociação de débitos.

As empresas participaram da ação foram: concessionárias públicas Energisa e Águas Guariroba, os bancos Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, o Instituto de Protestos, o SCPC – Banco Boa Vista, as empresas de telefonia e TV por assinatura Vivo, TIM, Claro, NET, SKY, a UNIDERP, a CASSEMS, além a participação da Vigilância Sanitária e INMETRO. Ainda a EMHA estará realizando cadastro dos cidadãos para os programas habitacionais.

Publicidade