Blitz News
Notícias
Saúde
Janeiro Roxo - Orientações sobre a hanseníase.

Janeiro Roxo - Orientações sobre a hanseníase.

Data: 25/01/2018

Pacientes das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSFs) de Campo Grande estão recebendo orientações sobre a hanseníase, uma doença crônica, infectocontagiosa e que atinge a pele e os nervos periféricos. O ‘Janeiro Roxo’, é considerado o mês internacional de luta contra a doença e tem como objetivo promover diagnóstico e tratamento corretos, além de difundir informações e desfazer preconceitos. Na UBSF Jardim Noroeste, mais de 40 pessoas participaram na manhã desta quarta-feira (24) das palestras educativas ofertadas pelos profissionais da unidade..

As ações que devem ocorrem ao longo deste mês tem por objetivo levar  informações sobre a doença e orientar os pacientes, por meio de palestras e materiais informativos.

Um dos objetivos da campanha é de esclarecer que o paciente deixa de transmitir a doença ao iniciar o tratamento. Portanto, é muito importante a busca ativa de novos casos para diagnóstico pelos profissionais, pois a cura é possível caso sejam seguidas corretamente as orientações médicas.

O encaminhamento de casos suspeitos para tratamento da doença é feito pelas UBS’s no momento da abordagem do paciente, podendo ser realizado pelo profissional médico ou enfermeiro. O tratamento é totalmente gratuito, realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e pode durar de 6 meses a 24 meses.

Ao longo do ano, todas as unidades básicas de saúde (UBS) e unidades básicas de saúde da família (UBSF) realizam na rotina de suas atividades ações contínuas de combate, controle e enfrentamento da doença. Entretanto, até o dia 31 de janeiro as ações de busca de casos e conscientização da população serão intensificadas.

Em 2016 foram notificados 85 novos casos da doença em Campo Grande. Já no ano passado o número caiu para 77.

Dia D

No dia 30 de janeiro será realizado o Dia D de combate a Hanseniase na Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) Aquino Dias Bezerra no bairro Vida Nova. As atividades terão inicio 7 horas, visando mobilizar a comunidade local com entrega de panfletos e orientações.

A doença

A hanseníase é uma doença infecto-contagiosa, causada pelo Mycobacterium leprae, e atinge pele e nervos.  É considerada como uma das doenças mais antigas que acometem o homem com referências de 600 a. C. Também conhecida como lepra, termo em desuso no Brasil.

Os principais sinais e sintomas são: manchas esbranquiçadas, avermelhadas ou amarronzadas em qualquer parte do corpo e áreas da pele que não coçam, mas tem formigamento e dormência, com diminuição ou ausência de sensibilidade ao calor, frio, dor e ao toque. É importante que ao perceber alguns destes sinais e sintomas, o paciente procure o serviço de saúde mais próximo de sua casa para exame da pele e nervos.

A transmissão acontece quando o bacilo é eliminado pela pessoa doente durante a fala, espirro ou tosse. Por isso a importância do exame de todas as pessoas que moram ou convivem com o doente, que são chamados de contatos.

Publicidade